solid state drive

SSD significa Solid State Drive e é uma tecnologia na qual começou a substituir os HDDs (Hard Disk Drive). Ambos, HDD e SSD são um componente de hardware que armazena dados. Quando você cria um arquivo e o salva, ele é salvo em sua unidade de armazenamento. Sem esses componentes você não seria capaz de salvar arquivos ou mesmo iniciar o sistema operacional. 

A maioria dos laptops modernos já vem equipada com um SSD. Essa forma de armazenamento está no mercado a alguns anos, mais só recentemente foi adotada pela indústria e pelos consumidores como uma alternativa viável aos discos rígidos tradicionais (HDDs). Em alguns casos, o sistema vem com ambos, com o SSD como unidade de inicialização e o HDD como um suplemento de maior capacidade. 

Ao contrário dos HDDs, no SSD não existe um braço atuador que tenha que se movimentar em um braço magnético giratório para ler ou gravar dados. Em um SSD não existe partes móveis, como no HDD. A maioria dos SSDs usa memória flash NAND, que é relativamente estável e durará anos. 

O termo estado sólido (state solid) refere-se a circuitos eletrônicos que são construídos inteiramente de semicondutores. A maioria dos eletrônicos que temos hoje são construídos em torno de semicondutores e chips.  Em relação ao SSD, refere-se ao fato de que o meio de armazenamento primário é através de semicondutores, em vez de mídia magnética, como um disco rígido. 

Geralmente, um SSD é projetado para residir dentro de um computador no lugar de um disco rígido tradicional. Do lado de fora, SSD e HDD são quase idênticos. Isso é para permitir que o SSD seja colocado no lugar do HDD em um computador.  

Um SSD faz funcionalmente tudo que um HD faz. Portanto, um SSD é um armazenamento não volátil, ou seja, as informações não são perdidas quando você desliga o sistema. A diferença aqui, é que as informações são armazenadas em chips de memória flash interconectados, que retém os dados mesmo quando não há energia presente.  

Existem diferentes formas que um SSD pode se conectar. Algumas delas são: SATA III, PCIe e NVMe. 

Porque usar um SSD? 

Há várias razões pelas quais você pode optar por um SSD no lugar de um disco rígido tradicional. Por exemplo, se você estiver viajando, um disco rígido tradicional pode ser interrompido por um simples solavanco. HDDs com suas partes móveis podem ser danificados se estiverem girando ou uma queda ou impacto acontecer. SSDs são menos propensos a serem afetados por impactos. 

Os SSDs são mais leves ques os HDDs. Isso economiza espaço para incluir outro harware no laptop e reduz o peso e a espessura. SSDs também exigem menos energia, portanto a bateria do computador deve durar mais tempo. 

Para quem usa o Windows, sabe o quão demorado o tempo de inicialização do computador. Usando SSD esse tempo pode ser reduzido significativamente. SSDs também tem uma taxa de falha muito menor que os HDDs.

Resumindo, algumas das vantagens que o SSD provê são: menos uso de energia, acesso de dados mais rápido e maior confiabilidade. 

Questões de múltipla escolha

Responda questões de múltipla escolha sobre SSD (Solid State Drive) e temas relacionados.

Parabéns. Você completou o quiz.
Você acertou %%SCORE%% de %%TOTAL%% questões.
Sua porcentagem de acerto foi de %%PERCENTAGE%%.

%%RATING%%
Your answers are highlighted below.
Questão 1
(CCV-UFC/UFC/Técnico de Laboratório - Eletrônica/2018) Nos últimos anos, a adoção de duas tecnologias em alguns computadores pessoais influenciou diretamente em uma drástica redução do tempo de boot dos computadores pessoais são essas as duas tecnologias:
A
SSD e USB
B
SSD e UEFI
C
SSD e SMART
D
Gigabit Ethernet e DVI
E
Gigabit Ethernet e SMART
Quando você terminar, clique no botão abaixo. Se algum item estiver incompleto ele será marcado como incorreto. Ver Resultados
Existe 1 questão incompleta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, entre com seu nome aqui